Lição 48 – Os pronomes relativos Que e Qui

Nessa postagem você irá conhecer dois pronomes do francês, que e qui, e aprender a diferença entre eles e saber quando utilizar cada um.


Comecemos então com uma pequena definição de pronomes relativos. Eles são substitutos para nomes que apareceram na sentença anterior e que estabelece uma ligação entre as duas. Falando assim fica um pouco difícil de entender, mas com um exemplo vai ser mais fácil. As duas frases a seguir:

Eu conheço o garoto. O garoto saiu correndo.

Poderiam ser substituídas por:

Eu conheço o garoto que saiu correndo.

O pronome relativo dessa frase é justamente o que, pois ele substitui o garoto e impede a repetição da palavra. Outros pronomes relativos do português seriam: O qual, os quais, cujo...

Já no francês, os pronomes relativos são dois, que e qui. Eles têm ambos a mesma tradução em português. E essa tradução é justamente o que do exemplo anterior, porém diferem quanto ao uso:

Que é usado quando o nome substituído é um complemento do verbo, ou seja, não é ele que realiza a ação. Já qui substitui o sujeito, então ele realiza a ação.

Exemplo 1: Il est l'homme que j'ai vu hier. (Ele é o homem que eu vi ontem.)

Reparem na frase em português. O homem não é o sujeito do verbo, e sim o complemento. Ou seja, ele não realizou a ação de ver, mas sim foi visto. Por isso usamos que.


Exemplo 2: J'ai vu l'homme qui est passé. (Eu vi o homem que passou.)

Nesta segunda frase, o homem é o sujeito do verbo passar, afinal é ele que realiza a ação. Por isso que neste caso utilizamos qui em francês.


Essa é a diferença entre os pronomes relativos que e qui. Não é muito complicado, mas costumamos fazer pequenos errinhos quanto a isso. Espero ter ajudado.

EXERCÍCIOS (Em breve)



Dúvidas, sugestões, reclamações? Envie-nos uma mensagem!

35 comentários:

Anônimo disse...

obrigadao x)
amanha vou ter teste a frances e nao percebia nada disto, ajudou-me muito :DD
mas ainda precisava de perceber melhor os pronomes relativos variaveis -.-
abraçoo :D

Anônimo disse...

Boa explicação, obrigada.

Anônimo disse...

parabens, boa explicação
=)

tonianha disse...

vlw num sabia nem q o nome era pronome relativo e tinha um teste valendo 2 pts oO bgdooo ! ajudou pakas

Anônimo disse...

boa

Anônimo disse...

nossa, salvou muito, tenho uma prova importante amanha, mto obrigado, amigao!

Anônimo disse...

merci beaucoup!!!

João disse...

Muito obrigad9o!!!!!!!!!!!!
tenho um teste amanhã e o livro não explicava!!!!!!!!!!!
continue o excelente trabalho!!!!!!!!!!!!!!!
EXELENTE!!!!!!!!!!! NICE WORK!!!!!!!!!!!!!!

Ricardo disse...

Obrigado! Como todo mundo, aparentemente :S Eu tenho um teste amanhã e o livro era muito confuso :S

Anônimo disse...

os professores se preocupam muito em ensinar a gramatica, e muitas vezes esqueçem de tomar um caminho menos compricado e platico que ajudariam muito o aprendizado, obrigado

peu disse...

este QUI tambem pode usar tambem como QUEM?

exp: c'est qui?(é quem?)

Anônimo disse...

muito boa a explicação!!
descomplicou de maneira simples e objetiva ;)
Ricardo

Anônimo disse...

Grande poste ajudou muito

Li disse...

Obrigada!
Bem objetiva e simples a sua explicação!
Lidi

Gobetti disse...

Na linguagem falada, nota-se a diferença entre o "qui" e o "que" no meio da frase?

Guilherme M. disse...

Gobetti, eu citarei duas musicas que temos aqui no blog que tem exemplos do que e qui. O que acontece é que a linguagem falada é um pouco mais rápida, mas você verá que é sim perceptivel a diferença. Seguem os links das músicas:

Que: http://cursofrancesgratis.blogspot.com/2010/07/musica-e-video-quoi-ca-sert-lamour.html

Qui:http://cursofrancesgratis.blogspot.com/2010/01/ja-faz-algum-tempo-desde-o-ultimo-post.html

Bons estudos!

Anônimo disse...

quando usamos com apostrofe???

Anônimo disse...

Por favor, me explique quando usamos tais pronomes com apostrofe.
merci.

Guilherme M. disse...

A utilização do apóstrofe é chamada de "élision". Ocorre com palavras que começam por vogais ou por uma letra h muda. No caso, poderá acontecer em vários casos, citarei alguns:
1) Artigo definido: L'homme, l'eau, l'arbre,...
2) Com verbos: avoir na primeira pessoa -> j'ai
3) Na negativa: Tu n'as pas de livre; Nous n'avons pas d'eau.

Carol disse...

tem algum link de exercicio??
merci bien!

Guilherme M. disse...

Carol, por enquanto não. Mas terá no futuro.

Bons estudos.

Anônimo disse...

A-d-o-r-e-i!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

merci beaucop

Franciele disse...

Muito bom!!!Parabéns!

Anônimo disse...

Qu'est-ce qu'ils regardent?

o que é que eles procuram?

a primeira élision ocorre porque ficaria repetitivo os dois "e" do 'que' e do 'est'... Que est-ce? por isso: qu'est-ce

e a segunda élision ocorre pelo mesmo motivo da repetição já que "eles procuram" é uma ação, então usa o qui e ficaria repetitivo o 'i' ... qui ils regardent? por isso: qu'ils

mas e se fossem elles ao invés de ils

Qu'est-ce qu'elles regardent?

a segunda élision ocorre mesmo assim? já que o 'elas' estão praticando uma ação, então usa o qui mas não fica repetitivo as vogais nesse caso... qui elles regardent?

qual seria o mais correto, nesses casos?

Laryssa disse...

"Qu'est-ce qu'elles regardent?" é o correto.
Qu'est-ce que je
Qu'est-ce que tu
Qu'est-ce qu'il/ qu'elle/ qu'on
Qu'est-ce que nous
Qu'est-ce que vous
Qu'est-ce qu'ils/ qu'elles

Logo, havendo vogal após o "que", ocorre élision.

Anônimo disse...

Muito Obrigado.
Bom trabalho.

Marite disse...

Ótima explicação! Muito didático! Grata,

tanblogger disse...

MERCI BEAUCOUP!!! tva tendo duvidas com isso no meu curso de frances, e parecia que eu não iria decorar nunca...mas com essa dica do seu blog, me ajudou super bem pra prova que vou fazer dentro de instantes! MUITO OBRIGADO!

Anônimo disse...

Brigado

Anônimo disse...

Ahhh.. Obrigada!
Não vejo livros que expliquem desta forma( uma forma mais direta)
Merci beaucoup!

Anônimo disse...

Ótima explicação! Obrigado!

Anônimo disse...

merci beaucoup

Ana Marcia Cunha disse...

Grande professor: fez parecer simples uma coisa bem complicadinha. Começando pela definição de pronome relativo... Merci mille fois. Ana

Anônimo disse...

Muito bem explicado.
Obg

Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br